• All
  • Design Gráfico
  • Marketing Digital
  • Mix De Marketing
  • Remarketing
  • Web Design
  • Default
  • Title
  • Date
  • Random

Quem trabalha diretamente com as ferramentas do Google, seja na otimização de resultados orgânicos ou nos anúncios pagos, sabe da importância de trabalhar dentro das métricas de qualidade do buscador. Elas sempre são ligadas à diretrizes que a empresa considera importantes para uma boa experiência do usuário em sua pesquisa final. 

E em outubro, o Google relatou mudanças nestas diretrizes. Em resumo, parece haver uma preocupação quanto a qualidade, e principalmente a veracidade do conteúdo publicado. Seguem, abaixo, os principais pontos de mudança anunciados pela empresa. 

E-A-T ainda mais refinado e importante

O E-A-T, Expertise, Authoritativeness e Trustworthiness, (expertise, autoridade e veracidade), são os guias para bonificar um conteúdo mais confiável, comprovadamente escrito por quem entende do assunto, e consegue entregar um trabalho completo aos meios digitais. 

Basicamente, o Google avança em adotar uma postura mais jornalística em sua curadoria de busca. Isso é extremamente importante para evitar mais disseminação de fake news, um mal que de fato assola a comunicação digital e cria muito ruído na veiculação de informações de relevância pública.

Este padrão de exigência está muito presente nas exigências do Google em relação a reputação de quem produz o conteúdo nas redes. Eles sugerem que a produção seja sempre feita por especialistas no tópico em questão. Isto merece um cuidado especial em casos de informações médicas ou legais, que podem influenciar fortemente a vida do leitor.

Em produções jornalísticas, o nível de alta qualidade fica para portais que, além de entregarem notícias e reportagens embasadas, também tenham ganhado prêmios de jornalismo a nível nacional e internacional. Por mais eficiente que este modelo pareça ser, ele pode acabar por ocultar produções comunitárias, que não têm grande renome, mas são fontes confiáveis de notícias em áreas pouco cobertas por grandes veículos de mídia, como favelas e áreas carentes.

Entender estas diretrizes pode fazer a total diferença na criação e curadoria de conteúdo online para marcas. Será cada vez mais importante elaborá-lo com alto nível de embasamento teórico, utilizando cada vez mais as práticas de apuração e checagem dos fatos. O Google parece navegar em direção à uma curadoria da busca que privilegia a produção de conteúdo responsável e baseada nos clássicos manuais jornalísticos.

 

O que nossos clientes estão falando?

  • "Minha experiência é a melhor possivel. O atendimento é impecável!!!"

    star5

    Laura Ganon

    CEO - Fink Mobility

  • "Confiança, qualidade do trabalho e comprometimento definem uma parceria de sucesso. Para nossos clientes, o nível de qualidade e atendimento precisa ser "excelente" e para tal, a confiança em um parceiro como vocês, é fundamental. Cliente satisfeito é a garantia do nosso sucesso!"

    star5

    Ana Mason

    CEO - Ana Mason Design

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9